Translate this Page
  • Currently 2.55/5

Rating: 2.5/5 (262 votos)




ONLINE
2




Partilhe esta Página



 <!-- Go to www.addthis.com/dashboard to customize your tools -->
<script type="text/javascript" src="//s7.addthis.com/js/300/addthis_widget.js#pubid=ra-57f3fb36829d1888"></script>

 

 

  contadores de visitas 

 

Flag Counter


Comentario biblico Mateus cap.12 subsidio EBD
Comentario biblico Mateus cap.12 subsidio EBD

        Comentario evangelho de Lucas cap.12 subsidio EBD

MAURICIO BERWALD PROFESSOR ESCRITOR

 Comentário  Matthew Henry sobre a Bíblia

Introdução

Neste capítulo, temos diversos e excelentes discursos de nosso Salvador em várias ocasiões, muitas das quais têm o mesmo significado com o que tivemos em Mateus em outras ocasiões semelhantes, pois podemos supor que nosso Senhor Jesus pregou as mesmas doutrinas e pressionou o Senhor. mesmos deveres, em várias ocasiões, em várias companhias, e que um dos evangelistas os tomou como os entregou de uma só vez e outro em outra ocasião e precisamos, portanto, ter preceito sobre preceito, linha sobre linha. Aqui, I. Cristo adverte seus discípulos para tomarem cuidado com a hipocrisia e a covardia em professar o cristianismo e pregar o evangelho, Lucas 12: 1-12.. II. Ele dá uma advertência contra a cobiça, por ocasião de uma moção avara feita a ele, e ilustra essa advertência por uma parábola de um homem rico repentinamente cortado pela morte em meio a seus projetos e esperanças mundanas, Lucas 12: 13-21 . III Ele encoraja seus discípulos a dedicarem todos os seus cuidados a Deus e a viverem com facilidade na dependência de sua providência, exortando-os a tornar a religião seu principal negócio, Lucas 12: 22-34 . IV. Ele os desperta para a vigilância da vinda do seu Mestre, da consideração da recompensa daqueles que são então encontrados fiéis, e da punição daqueles que são encontrados infiéis, Lucas 12: 35-48 . V. Ele os ordena esperar problemas e perseguição, Lucas 12: 49-53. VI. Ele adverte o povo a observar e melhorar o dia de suas oportunidades e a fazer as pazes com Deus a tempo, Lucas 12: 54-59 .

 

Versos 1-12

Carga de Cristo aos Seus Apóstolos.

1 Entretanto, ajuntando-se uma multidão inumerável de pessoas que, de alguma maneira, atropelavam uma a outra, passou a dizer aos seus discípulos em primeiro lugar: Cuidado com o fermento dos fariseus, que é hipocrisia. 2Porque não há nada coberto que não seja revelado nem oculto, que não seja conhecido. 3Portanto, tudo quanto haveis falado nas trevas será ouvido na luz, e o que dissestes ao ouvido nos armários será proclamado nos telhados. 4 E digo-vos, amigos meus: Não temais os que matam o corpo, e depois disso nada mais podem fazer. 5 Mas eu vos mostrarei a quem deveis temer: Temei aquele que, depois de matar, tem poder para lançar no inferno, sim, digo-vos: Temei-o. 6 Não são cinco pardais vendidos por dois farthings, e nenhum deles é esquecido diante de Deus? 7 Mas até os cabelos da vossa cabeça estão todos contados. Não temas, portanto, és mais valioso do que muitos pardais. 8 Também vos digo: Qualquer que me confessar diante dos homens, também o Filho do homem o confessará diante dos anjos de Deus. 9 Mas o que me nega diante dos homens será negado diante dos anjos de Deus. 10 E todo aquele que disser alguma palavra contra o Filho do homem, isso lhe será perdoado; mas àquele que blasfemar contra o Espírito Santo, não será perdoado. 11E quando te levarem às sinagogas, e ele também o Filho do homem confessará diante dos anjos de Deus: 9 Mas aquele que me nega diante dos homens será negado diante dos anjos de Deus. 10 E todo aquele que disser alguma palavra contra o Filho do homem, isso lhe será perdoado; mas àquele que blasfemar contra o Espírito Santo, não será perdoado. 11E quando te levarem às sinagogas, e ele também o Filho do homem confessará diante dos anjos de Deus: 9 Mas aquele que me nega diante dos homens será negado diante dos anjos de Deus. 10 E todo aquele que disser alguma palavra contra o Filho do homem, isso lhe será perdoado; mas àquele que blasfemar contra o Espírito Santo, não será perdoado. 11E quando te levarem às sinagogas, ea magistrados e poderes, não pensais como ou o que respondereis, ou o que disseres: 12Porque o Espírito Santo vos ensinará na mesma hora o que haveis de dizer.

 

Encontramos aqui, I. Um vasto auditório que se reuniu para ouvir Cristo pregar. Os escribas e fariseus procuraram acusá-lo e fazê-lo mal, mas o povo, que não estava sob a influência de seus preconceitos e ciúmes, ainda o admirava , cuidava dele e o fazia honrar. Nesse meio tempo ( Lucas 12: 1 Lucas 12: 1 ), enquanto ele estava na casa do fariseu, lutando com eles que procuravam apanha-lo, o povo se reuniu para um sermão da tarde, um sermão após o jantar, depois do jantar com um fariseu e ele não desapontá-los. Embora no sermão da manhã, quando eles foram reunidos densamente juntos (Lucas 11:29 Isaías 60: 8Lucas 11:29 ), ele os repreendeu severamente, como uma geração má que procura um sinal, mas eles renovaram a sua presença sobre ele tanto melhor que o povo poderia suportar suas repreensões do que os fariseus deles. Quanto mais os fariseus se esforçavam para expulsar o povo de Cristo, mais se reunia ali para ele. Ali estava uma multidão inumerável de pessoas reunidas, de modo que trocassem umas com as outras, trabalhando para conseguir tudo e chegar ao ouvido. É uma boa visão ver as pessoas assim em frente para ouvir a palavra, e se aventurar em inconveniência e perigo, em vez de perder uma oportunidade para suas almas. Quem são estes que assim voam como as pombas para suas janelas? Isaías 60: 8. Quando a rede é lançada onde há tantos peixes, pode-se esperar que alguns sejam cercados.

 

  1. As instruções que ele deu aos seus seguidores, no ouvir deste auditivo.

 

  1. Ele começou com uma advertência contra a hipocrisia. Isso ele disse aos seus discípulos antes de tudo aos doze ou aos setenta. Estas eram suas acusações mais peculiares, sua família, sua escola e, portanto, ele particularmente os advertiu como seus filhos amados que eles fizeram mais profissão de religião do que outros e hipocrisia em que era o pecado que eles estavam mais em perigo. Eles deveriam pregar aos outros e, se eles deveriam prevaricar, corrompa a palavra e lide com falsidade; a hipocrisia seria pior neles do que em outros. Além disso, havia um Judas entre eles, que era um hipócrita, e Cristo sabia disso e, por este meio, o assustaria, ou o deixaria indesculpável. Os discípulos de Cristo eram, pelo que sabemos, os melhores homens do mundo, mas precisavam ser advertidos contra a hipocrisia. Cristo disse isso aos discípulos, ouvindo esta grande multidão, em vez de em particular quando os teve por si mesmos, para adicionar um peso maior à cautela, e para deixar o mundo saber que ele não aprovaria a hipocrisia, não, não em seus próprios discípulos. Agora observe

 

(1.) A descrição daquele pecado contra a qual ele os adverte: é o fermento dos fariseus. [1] É o fermento que está se espalhando como fermento, insinua- se no homem todo, e tudo o que ele faz é inchaço e azedação como fermento, pois infunde os homens com orgulho, os amarra com malícia e faz o serviço deles inaceitável para Deus. [2] É o fermento dos fariseus: "É o pecado em que eles são mais encontrados. Tome cuidado de imitá-los, não seja você de seu espírito, não desmonte no cristianismo como eles fazem no judaísmo, não faça sua religião um manto de malícia, como eles fazem deles. "

 

(2) Uma boa razão contra isso: " Pois não há nada coberto que não deve ser revelado, Lucas 12: 2,3 . Não tem sentido dissimular, pois, mais cedo ou mais tarde, a verdade virá e uma mentira a língua é apenas por um momento.Se você falar na escuridão o que é impróprio para você, e é inconsistente com suas profissões públicas, deve ser ouvido à luz de alguma forma ou de outra que será descoberto, uma ave do ar carregará o voz ( Eclesiastes 10:20 ), e sua loucura e falsidade se manifestarão.Lucas 12: 2 , 3 Eclesiastes 10:20 Eclesiastes 12:14 Romanos 2:16"A iniquidade que é ocultada com uma demonstração de piedade será descoberta, talvez neste mundo, como foi a de Judas, e a de Simão Mago, no mais distante dia, quando os segredos de todos os corações serão manifestos, Eclesiastes 12:14 ; Romanos 2:16 . Se a religião dos homens prevalecem não para conquistar e curar a maldade de seus corações, não deve sempre servir para um manto o dia está chegando quando hipócritas será despojado de suas folhas de figueira..

 

  1. A isto ele acrescentou uma carga para eles serem fiéis à confiança neles depositada, e não traí-la, através da covardia ou do medo básico. Alguns fazem Lucas 12: 2,3 , para ser uma advertência para eles não esconderem as coisas que foram instruídos , e foram empregados para publicar no mundo. "Se os homens vão ouvir, ou se eles vão deixar de, dizer-lhes a verdade, a toda a verdade e nada mais que a verdade o que foi falado para você, e você tem falado de entre vós, em particular, e nos cantos, que você pregar publicamente,Lucas 12: 2 , 3 Gálatas 1:10para quem é ofendido, se você agradar aos homens, você não é servo de Cristo, nem pode agradá-lo ", Gálatas 1:10 . Mas isso não foi o pior: era provável que fosse uma causa de sofrimento , embora nunca um naufrágio um: deixe-os, portanto, armar-se com coragem e diversos argumentos são fornecidos aqui para fortalecê-los com uma resolução sagrada em seu trabalho.

 

(1.) "O poder de seus inimigos é um poder limitado ( Lucas 12: 4Lc 12.4 ): Eu digo a vocês, meus amigos " (os discípulos de Cristo são seus amigos, ele os chama de amigos e lhes dá este conselho amigável ), " não tenha medo, não se inquietem com medos atormentadores do poder e da fúria dos homens ". Note que aqueles que Cristo possui para seus amigos não precisam ter medo de nenhum inimigo. " Não tenha medo, não, não daqueles que matam o corpo, que não esteja no poder dos escarnecedores, nem mesmo dos assassinos,para afastá-lo do seu trabalho, para você que aprendeu a triunfar sobre a morte pode dizer, até mesmo deles, Que façam o pior, depois que não há mais que possam fazer a alma imortal vive, e é feliz, e desfruta de si mesmo e de seu Deus, e os desafia a todos. "Note que aqueles discípulos de Cristo não podem causar nenhum dano real e, portanto, não devem ser temidos, mas podem matar o corpo, pois eles só o mandam para o descanso. alma para sua alegria, quanto mais cedo.

 

(2) Deus deve ser temido mais do que os homens mais poderosos: " Eu vou preveni-lo a quem você temerá ( Lucas 12: 5Lucas 12: 5 ): para que você possa temer menos o homem, temer mais a Deus. Moisés conquista seu medo da ira do rei, por ter um olho para ele que é invisível. por possuir Cristo poderá incorrer na ira dos homens, que pode chegar mais longe do que para colocá-lo à morte (e sem a permissão de Deus eles não podem fazer isso), mas por negar Cristo e, desprezando-o, você incorrerá na ira de Deus, que tem poder para mandar você para o inferno,e não há como resistir. Agora, de dois males, o menos deve ser escolhido, e o maior deve ser temido, e, portanto, eu digo até você: Teme-o. "" É verdade ", disse o abençoado mártir, bispo Hooper," a vida é doce e a morte amarga, mas a vida eterna é mais doce e a morte eterna mais amarga. "

 

(3) A vida de bons cristãos e bons ministros é o cuidado particular da Providência divina, Lucas 12: 6,7 . Para nos encorajar em tempos de dificuldade e perigo, devemos recorrer aos nossos primeiros princípios e construir sobre eles. Agora, uma crença firme da doutrina da providência universal de Deus, e a extensão dela, será satisfatória para nós quando, a qualquer momento, estivermos em perigo, e nos encorajará a confiar em Deus no caminho do dever. [1.] A providência toma conhecimento das criaturas mais mesquinhas, até mesmo dos pardais. "Embora sejam tão pequenos que cinco deles são vendidos por dois farthings, ainda nenhum deles é esquecido de Deus,Lucas 12: 6 , 7 Lucas 12: 7mas é previsto, e é notificada a sua morte. Agora, você é mais valioso do que muitos pardais e , portanto, pode ter certeza de não ser esquecido, embora preso, embora banido, embora esquecido por seus amigos, muito mais precioso aos olhos do Senhor é a morte dos santos do que a morte. de pardais. "[2.] Providência leva em conta o interesse mais sério dos discípulos de Cristo:" Mesmo os cabelos da vossa cabeça estão todos contados ( Lucas 12: 7 ), muito mais são os seus suspiros e lágrimas numeradas, e as gotas do seu sangue, que você derramou por causa do nome de Cristo. Uma conta é mantida de todas as suas perdas, que podem ser,e sem dúvida eles serão recompensados ​​indizivelmente a seu favor ".

 

(4) "Você será possuído ou renegado por Cristo, no grande dia, de acordo com o que você possui ou renega a ele," Lucas 12: 8,9 . [1] Para nos engajar a confessar a Cristo diante dos homens, o que quer que possamos perder ou sofrer por nossa constância a ele, e quão querido possa nos custar, temos a garantia de que aqueles que confessam a Cristo agora serão de sua propriedade no grande dia antes dos anjos de Deus, para o seu eterno conforto e honra. Jesus Cristo confessará, não apenas que ele sofreu por eles, e que eles devem ter o benefício de seus sofrimentos, mas que eles sofreram por ele, e que seu reino e interesse na terra foram adiantados por seus pecados.Lucas 12: 8 , 9 Apocalipse 14:10sofrimentos e que maior honra pode ser feita deles? [2] Para nos impedir de negar a Cristo, e um covarde abandono de suas verdades e caminhos, estamos aqui certos de que aqueles que negam a Cristo, e se afastam traiçoeiramente dele, tudo o que eles podem salvar por ele, embora fosse a própria vida, e o que quer que ganhem com isso, embora fosse um reino, serão vastos perdedores afinal, pois serão negados diante dos anjos de Deus que Cristo não os conhecerá, não os possuirá, não lhes mostrará nenhum favor, que se voltará para seu eterno terror e desprezo. Pela ênfase aqui colocada em ser confessado ou negado diante dos anjos de Deus, parece ser uma parte considerável da felicidade dos santos glorificados que eles não apenas permaneçam corretos, mas permaneçam no alto, na estima dos santos anjos os amarão, honrarão e os possuirão, se forem os de Cristo. servos eles são seus companheiros de servo, e eles os levarão para seus companheiros. Pelo contrário, uma parte considerável da miséria dos pecadores condenados será que os santos anjos os abandonarão, e serão as testemunhas satisfeitas, não somente de sua desgraça, como aqui, mas de sua miséria, pois eles serão atormentados em a presença dos santos anjos ( Apocalipse 14:10 ), que não lhes dará alívio.

 

(5). A incumbência em que eles seriam enviados em breve era da mais alta e última importância para os filhos dos homens, a quem eles foram enviados, Lucas 12:10 Lucas 12:10 . Que eles sejam ousados ​​na pregação do evangelho, pois um castigo mais doloroso e mais pesado iria atender àqueles que os rejeitaram (depois que o Espírito foi derramado sobre eles, que seria o último método de convicção) do que aqueles que agora rejeitaram a Cristo e se opuseram ele: " Grandes obras do que aquelas que ele fará, e, conseqüentemente, maior será o castigo daqueles que blasfemarem os dons e operações do Espírito Santo em você. Qualquer que falar uma palavra contra o Filho do homem, tropeçará no maldade de sua aparência, e falar um pouco eAtos 2:33 , 5 : 1 Coríntios 14:22apesar dele, é capaz de alguma desculpa: Pai, perdoa-lhes, porque não sabem o que fazem. Mas para aquele que blasfema o Espírito Santo, que blasfema a doutrina cristã, e maliciosamente se opõe a ela, após o derramamento do Espírito e sua atestação do ser glorificado de Cristo ( Atos 2: 33,5: 32 ), o privilégio do perdão dos pecados será negado ele não terá nenhum benefício por Cristo e seu evangelho. Você pode sacudir o pó de seus pés contra aqueles que o fazem, e entregá-los como incuráveis ​​eles perderam aquele arrependimento e aquela remissão que Cristo foi exaltado a dar,e que você é comissionado para pregar. "O pecado, sem dúvida, foi o mais ousado e, consequentemente, o caso, o mais desesperado, durante a continuação dos dons extraordinários e operações do Espírito na igreja, que foram destinados a um sinal para aqueles que não creram, 1 Coríntios 14:22 Havia esperanças daqueles que, embora não fossem convencidos por eles a princípio, ainda os admiravam, mas aqueles que os blasfemavam foram entregues.

 

(6) Quaisquer que sejam as provações a que devem ser convocados, devem ser suficientemente providos para eles e honrosamente trazidos através deles, Lucas 12: 11,12 . O mártir fiel a Cristo não tem apenas sofrimentos para sofrer, mas um testemunho para suportar, uma boa confissão para testemunhar, e preocupa-se em fazer isso bem, de modo que a causa de Cristo não pode sofrer, apesar de ele sofrer por isso e, se este é o seu cuidado, que ele lance em Deus: "Quando eles trazem você para as sinagogas, perante os governantes da igreja, perante os tribunais judeus, ou perante magistrados e poderes,Lucas 12:11 , 12 Governantes gentios, governantes no estado, a serem examinados sobre sua doutrina, o que ela é, e qual a prova disso, não pensem no que devem responder, "[1.]" Para que você possa salvar a si mesmo. Não estudem por que arte ou retórica para apaziguar seus juízes, ou por que truques na lei se afastarem, se for a vontade de Deus que você deve sair, e seu tempo ainda não chegou, ele o fará eficazmente "[2.]" Para que você sirva ao seu Mestre, mire nisso, mas não se preocupe com isso, pois o Espírito Santo, como um Espírito de sabedoria, ensinará o que você deve dizer, e como dizê-lo. , para que seja para a honra de Deus e sua causa ".

 

Versículos 13-21

Mentalidade mundana exposta.

13 E um dos companheiros disse-lhe: Mestre, fala ao meu irmão que divide a herança comigo. 14 E ele perguntou-lhe: Homem, que me fez juiz ou divisor sobre ti? 15 E ele lhes disse: Acautela-te, e guardai-vos da avareza; porque a vida do homem não consiste na abundância das coisas que ele possui. 16 E falou uma parábola para eles, dizendo: A terra de um homem rico produziu abundantemente: 17 E ele pensou dentro de si mesmo, dizendo: O que devo fazer, porque eu não tenho onde dar meus frutos? 18 E ele disse: Isto eu farei: derrubarei os meus celeiros e edificarei mais e darei todos os meus frutos e bens. 19 E direi à minha alma: Alma, tens muitos bens guardados por muitos anos; toma a tua tranquilidade, come, bebe eseja feliz. 20 Mas Deus lhe disse: Tu tolo, será exigida esta noite a tua alma de ti; em seguida, cujo devem ser aquelas coisas, que tens fornecido? 21 Assim é aquele que jaz para si e não é rico para com Deus.

 

Nós temos nesses versos

 

  1. A aplicação que foi feita a Cristo, muito fora de prazo, por um dos seus ouvintes, desejando que ele interpor entre ele e seu irmão em um assunto que dizia respeito à propriedade da família ( Lucas 12:13 Lucas 12:13 ): " Mestre, fale com meu irmão fala como um profeta, fala como um rei, fala com autoridade, ele é aquele que terá em conta o que tu dizes para ele, que ele divide a herança comigo. "Agora, 1. Alguns pensam que seu irmão o fez errado, e que ele apelou para Cristo para corrigi-lo, porque ele sabia que a lei era cara. Seu irmão era tal como os judeus chamavam Ben-hamesen - um filho da violência,Deuteronômio 21:16 , 17que tirou não só a sua parte da propriedade, mas também a do seu irmão, e a deteve à força dele. Tais irmãos existem no mundo, que não têm nenhum senso de igualdade natural ou afeição natural, que fazem uma presa daqueles a quem eles deveriam apadrinhar e proteger. Aqueles que são tão injustiçados têm a quem ir, quem executará o julgamento e a justiça para aqueles que são oprimidos. 2. Outros acham que ele tinha a intenção de errar seu irmão, e gostaria que Cristo o ajudasse , enquanto a lei dava ao irmão mais velho uma porção dupla da propriedade, e o próprio pai não podia dispor do que ele tinha, mas por essa regra ( Deuteronômio 21:16, 17), ele teria Cristo para alterar essa lei, e obrigar seu irmão, que talvez fosse um seguidor de Cristo em geral, para dividir a herança igualmente com ele, em tipo de martelo, compartilhar e compartilhar da mesma forma, e atribuí-lo tanto como seu irmão mais velho. Suspeito que fosse esse o caso, porque Cristo toma dela ocasião para advertir contra a cobiça, pleonexia - um desejo de ter mais, mais do que Deus em sua providência nos deu. Não era um desejo legítimo de obter o seu próprio, mas um desejo pecaminoso de conseguir mais do que o seu.

 

  1. Recusa de Cristo em se interpor neste assunto ( Lucas 12:14 Lucas 12:14 ): Homem, que me fez juiz ou divisor sobre você? Em assuntos dessa natureza, Cristo não assumirá nem um poder legislativo para alterar a regra estabelecida de heranças, nem um poder judicial para determinar controvérsias a respeito deles. Ele poderia ter feito parte do juiz, e do advogado, assim como ele fez o médico, e ter acabado ternos na lei tão felizmente como ele fez doenças, mas ele não o faria, pois não estava em sua comissão: Quem me fez um juiz ? Provavelmente ele se refere à indignidade feita a Moisés por seus irmãos no Egito, com a qual Estevão repreendeu os judeus, At 7: 27,35.Atos 7:27 , 35 Hebreus 5: 5 2 Timóteo 2: 4. "Se eu me oferecesse para fazer isso, você me insultaria como fez com Moisés, que fez de você um juiz ou um divisor? " Ele corrige o erro do homem, não admite sua apelação (foi coram non judice - não antes do juiz adequado ), e assim descarta sua conta. Se ele tivesse vindo a ele para desejá-lo para ajudar a sua busca da herança celestial, Cristo teria dado a ele sua melhor ajuda, mas quanto a este assunto, ele não tem nada a fazer: Quem me fez um juiz? Note, Jesus Cristo não era usurpador, ele não tomou honra, nem poder, para si mesmo, mas o que foi dado a ele, Hebreus 5: 5. O que quer que ele tenha feito, ele poderia dizer com que autoridade ele fez isso, e quem lhe deu essa autoridade. Agora isso nos mostra qual é a natureza e a constituição do reino de Cristo. É um reino espiritual e não deste mundo. 1. Não interfere com poderes civis, nem tira a autoridade dos príncipes de suas mãos. O cristianismo deixa o assunto como o encontrou, quanto ao poder civil. 2. Ele não interfere com os direitos civis, obriga todos a fazer justamente, de acordo com as regras estabelecidas de equidade, mas o domínio não é fundado na graça. 3. Não encoraja nossas expectativasde vantagens mundanas pela nossa religião. Se este homem for um discípulo de Cristo, e espera que, em consideração a este Cristo, lhe dê a propriedade de seu irmão, ele está enganado, pois as recompensas dos discípulos de Cristo são de outra natureza. 4. Não encoraja nossas disputas com nossos irmãos, e nosso ser rigoroso e elevado em nossas demandas, mas, pelo amor da paz, afastar-se de nosso direito. 5. Não permite que os ministros se envolvam nos assuntos desta vida ( 2 Timóteo 2: 4 ), para deixar a palavra de Deus para servir as mesas. Há aqueles cujos negócios são, que lhes seja deixada, Tractent fabrilia fabri -Cada operário para o seu ofício adequado.

 

III A cautela necessária que Cristo tomou ocasião para dar aos seus ouvintes. Embora ele não viesse a ser um divisor de propriedades de homens, ele veio a ser um diretor de suas consciências sobre eles, e todos teriam cuidado de abrigar aquele princípio corrupto que eles viam ser em outros a raiz de tanto mal. Aqui está,

 

  1. A própria advertência ( Lucas 12:15Lucas 12:15 ): Tome cuidado e cuidado com a cobiça horate - " Observem-se, mantenham um olho invejoso em seus próprios corações, para que os princípios cobiçosos não os enganem e phylassestes - preservem-se, mantenham um rigoroso imponha-se em seus próprios corações, para que os princípios cobiçosos não governem e não dêem lei neles ”. A cobiça é um pecado que precisamos constantemente vigiar e , portanto, freqüentemente devemos ser advertidos contra.

 

  1. A razão disto, ou um argumento para reforçar esta cautela: Porque a vida de um homem não consiste na abundância das coisas que ele possui, isto é, “nossa felicidade e conforto não dependem de termos grande quantidade de riqueza. deste mundo ". (1) A vida da alma, indubitavelmente, não depende dela, e a alma é o homem. As coisas do mundo não se ajustam à natureza de uma alma, nem suprem suas necessidades, nem satisfazem seus desejos, nem duram enquanto durar. Não. (2) Mesmo a vida do corpo e a felicidade disso não consistem em abundância.dessas coisas para muitos vivem com muito contentamento e facilidade, e passam pelo mundo confortavelmente, que têm apenas um pouco da riqueza disso (um jantar de ervas com amor sagrado é melhor que um banquete de coisas gordas ) e, no Por outro lado, muitos vivem muito miseravelmente que têm uma grande quantidade das coisas deste mundo que eles possuem abundância, e ainda não têm conforto de que eles lamentam suas almas do bem, Eclesiastes 4: 8Eclesiastes 4: 8 . Muitos que têm abundância estão descontentes e inquietos, como Acabe e Hamã, e então, que bem a sua abundância lhes faz?

 

  1. A ilustração disso por uma parábola, cuja soma é para mostrar a tolice dos mundanos carnais enquanto eles vivem, e sua miséria quando morrem, o que se destina não apenas a um cheque àquele homem que veio a Cristo com um discursar sobre sua propriedade, enquanto ele não estava preocupado com sua alma e outro mundo, mas para o cumprimento dessa cautela necessária para todos nós, para tomar cuidado com a cobiça. A parábola nos dá a vida e a morte de um homem rico e nos deixa a julgar se ele era um homem feliz .

 

(1) Aqui está um relato de sua riqueza e abundância mundanas ( Lucas 12:16 Lucas 12:16 ): A base de um certo homem rico produziu abundantemente, chora - regio - o país. Ele tinha um país inteiro para si, um senhorio que ele era um pequeno príncipe. Observe, Sua riqueza jazia muito nos frutos da terra, pois o próprio rei é servido pelo campo, Eclesiastes 5: 9 . Ele tinha muito terreno, e seu terreno era frutífero, muito mais teria mais, e ele tinha mais.Eclesiastes 5: 9 Note que a fecundidade da terra é uma grande bênção, mas é uma bênção que Deus muitas vezes dá abundantemente aos homens ímpios, aos quais é uma armadilha, a ponto de não pensarmos em julgar seu amor ou ódio pelo que está diante de nós. .

 

(2) Aqui está o funcionamento de seu coração, no meio desta abundância. Aqui nos é dito o que ele pensava dentro de si, Lucas 12:17Lucas 12:17 . Note, O Deus do céu conhece e observa tudo o que pensamos dentro de nós mesmos, e nós somos responsáveis ​​por ele por isso. Ele é ao mesmo tempo discernidor e juiz dos pensamentos e intenções do coração. Nós nos enganamos se imaginarmos que os pensamentos estão escondidos e os pensamentos livres. Vamos observar aqui

 

[1.] O que seus cuidados e preocupações eram. Quando ele viu uma colheita extraordinária em seu solo, em vez de agradecer a Deus por isso, ou regozijando-se na oportunidade que lhe daria de fazer o bem maior, ele se aflige com este pensamento: O que farei, porque não tenho espaço onde para dar meus frutos? Ele fala como um perdido e cheio de perplexidade. O que devo fazer agora? O mendigo mais pobre do país, que não sabia onde conseguir a carne de uma refeição, não poderia dizer uma palavra mais ansiosa. Cuidado inquietante é o fruto comum de uma abundância deste mundo e a culpa comum daqueles que têm abundância. Quanto mais os homens têm, mais perplexidade eles têm com isso, e mais solícitos eles são para manter o que têm e adicionar a ele, como poupar e como gastar para que mesmo a abundância dos ricos não os deixe sofrer durma, por pensar o que eles devem fazer com o que eles têm e como eles devem dispor disto. O homem rico parece falar com um suspiro, o que devo fazer? E se você perguntar, por que, qual é o problema? Verdadeiramente ele tinha abundância de riqueza e quer um lugar paracoloque isso, é tudo.

 

[2] Quais eram seus projetos e propósitos , que eram o resultado de seus cuidados, e eram de fato absurdos e tolos como eles ( Lucas 12:18 Lucas 12:18 ): " Isto eu farei, e é o caminho mais sábio que eu posso tomar, Eu derrubarei meus celeiros, pois eles são muito pequenos, e eu construirei mais, e lá darei todos os meus frutos e bens, e então ficarei à vontade. " Agora, aqui, primeiro, Era loucura para ele chamar os frutos do chão suas frutas e seus bens. Ele parece colocar uma ênfase agradável sobre isso, meus frutos e minhaOséias 2: 8 , 9 Eclesiastes 5:10 Tiago 4: 13-15bens enquanto que o que temos é apenas emprestado para nosso uso, a propriedade ainda está em Deus nós somos apenas mordomos dos bens de nosso Senhor, inquilinos à vontade da terra de nosso Senhor. É o meu milho (diz Deus) e o meu vinho, Oséias 2: 8,9 . Em segundo lugar, era loucura para ele acumular o que ele tinha, e depois pensar que era bem concedido. Darei tudo isso como se ninguém devesse ser concedido aos pobres, nenhum à sua família, nenhum ao levita e ao estrangeiro, ao órfão e à viúva, mas a todos no grande celeiro. Em terceiro lugar, foi loucura para ele deixar o seuSua mente se eleva com sua condição quando seu terreno produz mais abundantemente do que o habitual, depois para falar de celeiros maiores, como se o próximo ano devesse ser tão frutífero como este, e muito mais abundante, enquanto o celeiro poderia ser tão grande quanto o ano que vem como era muito pequeno isto. Anos de fome comumente seguem anos de fartura, como aconteceu no Egito e, portanto, era melhor empilhar um pouco do milho para isso uma vez. Em quarto lugar,Era loucura para ele pensar em aliviar seus cuidados construindo novos celeiros, pois a construção deles aumentaria os cuidados dele, aqueles que sabem disso, sabem alguma coisa do espírito de construção. A maneira que Deus prescreve para a cura do cuidado desordenado é certamente bem-sucedida, mas o caminho do mundo apenas aumenta. Além disso, quando ele tinha feito isso, havia outros cuidados que ainda iria atendê-lo quanto maiores os celeiros, ainda maiores os cuidados, Eclesiastes 5:10 . Em quinto lugar, era loucura para ele inventar e resolver tudo isso absolutamente e sem reservas. Isso eu farei: vou derrubar meus celeiros e construir mais, sim, que eu vousem tanto quanto aquela condição necessária, se o Senhor quiser, eu viverei, Tiago 4: 13-15 . Projetos peremptórios são projetos tolos, pois nossos tempos estão nas mãos de Deus, e não nos nossos, e nem sabemos o que será no dia seguinte.

 

[3] Quais eram as suas esperanças e expectativas agradáveis , quando ele deveria ter feito bons projetos. "Então eu direi à minha alma, a crédito desta segurança, se Deus diz ou não, Alma, marque o que eu digo, você tem muitos bens guardados por muitos anos nestes celeiros agora tome sua facilidade, desfrute de si mesmo, coma, beba e seja feliz " , Lucas 12:19Lucas 12:19 . Aqui também aparece sua loucura, tanto no gozo de sua riqueza quanto na busca por ela. Primeiro,Era loucura para ele adiar seu conforto em sua abundância até que ele tivesse cingido seus projetos a respeito disso. Quando ele construiu celeiros maiores, e os encheu (o que será um trabalho do tempo), então ele vai ficar à vontade e pode não ter feito isso agora? Grotius cita aqui a história de Pirro, que estava planejando se tornar dono da Sicília, da África e de outros lugares, no prosseguimento de suas vitórias. Bem, diz seu amigo Cyneas, e o que devemos fazer então? Postea cumilus, diz ele, Então nós vamos viver Em Chicago, diz Cyneas, Podemos viver agora, se quisermos. Em segundo lugar, era loucura para ele estar confiante de que seus bens foram guardados por muitos anos, como se seus celeiros maiores fossem mais seguros do que os que ele possuía, ao passo que em uma hora eles poderiam ser queimados até o chão e tudo o que estivesse depositado neles, talvez por um raio, contra o qual não há defesa. Alguns anos podem causar uma grande mudança e a ferrugem pode corromper, ou ladrões arrombam e roubam. Em terceiro lugar, foi loucura para ele contar com certa facilidade,quando ele havia depositado a abundância das riquezas deste mundo, ao passo que há muitas coisas que podem deixar as pessoas inquietas no meio de sua maior abundância. Uma mosca morta pode estragar toda uma panela de unguento precioso e um espinho, uma cama inteira de penugem. A dor e a doença do corpo, a discordância das relações e, especialmente, uma consciência culpada, podem roubar um homem à vontade, que já teve tanto da riqueza deste mundo. Em quarto lugar, era loucura pensar em não fazer outro uso de sua abundância do que em comer e beber, e em se divertir para satisfazer a carne, e satisfazer o apetite sensual, sem pensar em fazer o bem aos outros e em ser colocado assim, em uma melhor capacidade de servir a Deus e sua geração: como se vivia para comer e não comia para viver, e a felicidade do homem consistia em nada mais do que em ter todas as gratificações do sentido elevadas até o auge do prazer. Em quinto lugar, foi a maior tolice de todos dizer tudo isso à sua alma. se ele tivesse dito, Corpo, tome a sua facilidade, pois você tem bens depositados por muitos anos, havia sentido nisso, mas a alma, considerada como um espírito imortal, separável do corpo, não estava interessada em um celeiro cheio de milho ou um saco cheio de ouro. Se ele tivesse a alma de um porco, ele poderia ter abençoado com a satisfação decomer e beber, mas o que é isso para a alma de um homem, que tem exigências e desejos que essas coisas não serão adequadas? É o grande absurdo de que os filhos deste mundo são culpados que dividem suas almas na riqueza do mundo e nos prazeres dos sentidos.

 

(3) Aqui está a sentença de Deus sobre tudo isso e temos certeza de que seu julgamento está de acordo com a verdade. Ele disse para si mesmo, disse à sua alma: Tome sua facilidade. Se Deus também tivesse dito isso, o homem havia sido feliz, como seu Espírito testemunha com o espírito dos crentes para torná-los fáceis. Mas Deus disse de outra forma e por seu julgamento de nós devemos ficar ou cair, não por nós mesmos, 1 Coríntios 4: 3,4 . Seus vizinhos o abençoaram ( Salmos 10: 3 ), louvaram-no por fazer bem a si mesmo ( Salmos 49:18 ), mas Deus disse que ele adoeceu para si mesmo: ó tolo, esta noite tua alma será exigida de ti, Lucas 12:20 . Deus disse a ele:1 Coríntios 4: 3 , 4 Salmo 10: 3 Salmo 49:18 Lucas 12:20 Jó 20:22 isto é, decretou isto a respeito dele, e deixe-o conhecê-lo, seja por sua consciência ou por alguma providência do despertar, ou melhor, pelos dois juntos. Isto foi dito quando ele estava na plenitude de sua suficiência ( Jó 20:22 ), quando seus olhos foram mantidos acordando em sua cama com seus cuidados e invenções sobre o aumento de seus celeiros, não adicionando uma baía ou duas mais de construção para eles , que poderia servir para responder ao fim, mas puxando-os para baixo e construindo mais, o que era necessário para agradar a sua fantasia. Quando ele estava prevendo isso, e o trouxe para um assunto, e depois se acalmou novamente com um sonho agradável de muitos anos de prazer de suas melhorias atuais, entãoDeus disse isso a ele. Assim, Belsazar ficou aterrorizado pela letra da mão na parede, no meio da sua alegria. Agora observe o que Deus disse

 

[1] O caráter que ele lhe deu: Tu tolo, tu Nabal, aludindo à história de Nabal, aquele tolo (Nabal é o seu nome, e loucura está com ele) cujo coração foi golpeado morto como uma pedra enquanto ele estava se enaltecendo na abundância da sua provisão para os seus tosquiadores de ovelhas. Note, os mundanos carnais são tolos, e o dia está chegando quando Deus os chamará pelo seu próprio nome, Tolo, e eles se chamarão assim.

 

[2.] A sentença que ele passou sobre ele, uma sentença de morte: Esta noite tua alma será exigida de ti, eles exigirão a tua alma (assim são as palavras), e então, quais serão essas coisas que tu providenciaste? Ele achava que ele tinha bens que deveriam ser seus por muitos anos, mas ele deve separar-se deles esta noite, ele achava que deveria aproveitá-los ele mesmo, mas ele deve deixá-los para saber quem não. Note, A morte dos mundanos carnais é miserável em si e terrível para eles.

 

Em primeiro lugar, é uma força, uma prisão , é a exigência da alma, aquela alma que estás fazendo tão tolo do que tens a fazer com uma alma, que não podes usá-la melhor? Sua alma será exigida, isto sugere que ele está inclinado a se separar dela. Um homem bom, que tirou seu coração deste mundo, renuncia alegremente sua alma na morte, e desiste, mas um homem mundano a arrancou com violência, é um terror para ele pensar em deixar este mundo. Eles exigirão a tua alma. Deus exigirá que ele exija um relato disso. "Homem, mulher, o que fizeste com a tua alma. Dê conta dessa mordomia." Eles devemisto é, anjos maus como mensageiros da justiça de Deus. Como os bons anjos recebem almas graciosas para levá-los à sua alegria, assim anjos maus recebem almas más para levá-los ao lugar de tormento, eles exigirão que ele seja uma alma culpada para ser punido. O diabo exige a tua alma como sua, pois, de fato, ela se entregou a ele.

 

Em segundo lugar, é uma surpresa, uma força inesperada . É de noite e os terrores da noite são terríveis. A hora da morte é dia para um homem bom, é a manhã dele. Mas é noite para um mundano, uma noite escura ele se deita de tristeza. É nesta noite, nesta noite presente , que sem demora não há fiança, ou implorando um dia. Nesta noite agradável , quando tu prometeres a ti mesmo muitos anos por vir, agora deves morrer e ir a julgamento. Tu entreténs a ti mesmo com a fantasia de muitos dias felizes, e a noite alegre, e festa alegre, mas, no meio de tudo, aqui está o fim de tudo, Isaías 21: 4Isaías 21: 4 .

 

Em terceiro lugar, é o abandono de todas as coisas por trás das quais elas foram providas, para as quais trabalharam e se prepararam para o futuro, com abundância de trabalho e cuidado. Tudo o que eles colocaram sua felicidade, e construíram sua esperança, e criaram suas expectativas, eles devem deixar para trás. A sua pompa não descerá atrás deles ( Salmo 49:17Salmo 49:17 ), mas eles irão como nus do mundo, à medida que entram nela, e eles não terão nenhum benefício em tudo pelo que eles acumularam na morte, em juízo. , ou em seu estado eterno.

 

Em quarto lugar, -se deixando-os a eles não sabem que: "Então cuja deverão essas coisas? Não o teu para ter certeza, e tu não sabes o que eles irão provar para quem tu projetá-los, teus filhos e as relações, se eles serão sábios ou tolos ( Eclesiastes 2: 18,19Eclesiastes 2:18 , 19se abençoará tua memória ou a amaldiçoará, seja um crédito para tua família ou um defeito, faça bem ou machuque com o que tu entregaste, guarde ou gaste, não sabes senão aqueles para quem tu projetas pode ser impedido de desfrutá-lo, e pode ser desviado para outra pessoa que você menos pensa, embora você saiba a quem você a colhe, você não sabe a quem eles vão deixar, ou em cuja mão virá. finalmente. "Se muitos homens pudessem prever para quem sua casa viria depois de sua morte, ele preferiria queimá-la do que embelezá-la.

 

Em quinto lugar, é uma demonstração de sua loucura. Os mundanos do carnal são tolos enquanto vivem: este é o caminho deles ( Salmo 49:13 Sl. 49:13 ), mas a loucura deles se torna mais evidente quando eles morrem: no seu fim, ele será um tolo ( Jeremias 17:11 ) pois então aparecerá que ele se esforçou para acumular tesouros em um mundo do qual estava se apressando, mas não tomou o cuidado de depositar no mundo a que estava se apressando.Jeremias 17:11

 

Por último, Aqui está a aplicação desta parábola ( Lucas 12:21Lucas 12:21 ): Assim é ele, um tolo, um tolo no julgamento de Deus, um tolo registrado, que junta tesouro para si mesmo e não é rico para com Deus. Este é o caminho e este é o fim de tal homem. Observe aqui

 

  1. A descrição de um homem mundano: Ele arruma um tesouro para si mesmo, para o corpo, para o mundo, para si mesmo em oposição a Deus, para aquele eu que deve ser negado. (1.) É seu erro que ele mesmo conte sua carne, como se o corpo fosse o homem. Se o eu for corretamente declarado e compreendido, é somente o verdadeiro cristão que arruma o tesouro para si mesmo e é sábio para si mesmo, Provérbios 9:12 Provérbios 9:12 . (2) É seu erro que ele faz o seu negócio de se preparar para a carne, que ele chama de colocar para si mesmo. Todo o seu trabalho éEclesiastes 6: 7 Apocalipse 2: 9 Tiago 2: 5 1 Timóteo 6:18por sua boca ( Eclesiastes 6: 7 ), fazendo provisão para a carne. (3) É o erro dele que ele conta aquelas coisas que o tesouro dele é assim acumulado para o mundo, e o corpo, e a vida que agora é eles são a riqueza que ele confia em, e gasta em cima de, e deixa fora o dele afeições para. (4) O maior erro de todos é que ele não tem o cuidado de ser rico para com Deus, rico no relato de Deus, cuja contabilidade nos enriquece ( Apocalipse 2: 9 ), rico nas coisas de Deus, rico em fé ( Tiago 2: 5 ), rico em boas obras,nos frutos da justiça ( 1 Timóteo 6:18 ), rico em graças, confortos e dons espirituais. Muitos que têm abundância deste mundo são totalmente destituídos daquilo que enriquecerá suas almas, o que os tornará ricos para Deus, ricos para a eternidade.

 

  1. A loucura e a miséria de um homem mundano: Ele também é. Nosso Senhor Jesus Cristo, que sabe qual será o fim das coisas, nos disse aqui qual será o seu fim. Note, É a loucura indescritível da maioria dos homens a mente e perseguir a riqueza deste mundo mais do que a riqueza do outro mundo, o que é apenas para o corpo e para o tempo, mais do que aquilo que é para a alma e eternidade.

 

Versos 22-40

Cuidado desordenado reprovado.

22 E disse aos seus discípulos: Por isso vos digo: Não pensais na tua vida, nem para com o corpo que comereis, o que vestirdes. 23A vida é mais que carne, e o corpo é maisdo que vestimenta. 24Considere os corvos: porque não semeiam nem ceifam, nem têm armazém nem celeiro, e Deus os alimenta; quanto mais éeis melhores do que as aves? 25 E qual de vós, tendo pensado, pode acrescentar à sua estatura um côvado? 26 Se, pois, não pudestes fazer aquilo que é mínimo, por que pensais para o resto? 27 Considere os lírios como eles crescem: eles não trabalham, não giram e, no entanto, eu vos digo que Salomão em toda a sua glória não se vestiu como um deles. 28 Se, pois, Deus assim veste a erva, que hoje está no campo, e amanhã é lançada no forno, quanto mais ela vestirá?tu és de pouca fé? 29 E não busqueis o que comereis, ou o que haveis de beber, nem pensai em dúvida. 30 Porque todas estas coisas são feitas pelas nações do mundo, e vosso Pai sabe que necessitais destas coisas. 31 Antes, porém, buscai o reino de Deus e todas estas coisas vos serão acrescentadas. 32 Não temais, pequeno rebanho, pois é bom o vosso Pai dar-te o reino. 33 Dizei que possuís, e dai esmolas para prover-vos malas que não envelheçam, tesouro nos céus que não acabe, aonde não chega ladrão e a traça não rói. 34 Pois onde está o teu tesouro, aí também estará o teu coração. 35 Deixe seus lombos ficarem cingidos, e seu36 E vós, semelhantes a homens que esperam por seu senhor, quando ele voltará do casamento, quando vier e bater, eles poderão abrir-lhe imediatamente. 37 Bem-aventurados são aqueles servos a quem o senhor, quando vier, achar vigiando! Em verdade vos digo, que se cingirá, e torná-los a sentar-se à mesa, e sairão e servi-los. 38 E, se vier na segunda vigília, e se vier na terceira vigília, e encontrar -los assim, bem-aventurados são os tais servos. 39 E isto é sabido que se o dono da casa soubesse a que hora o ladrão viria, ele teria visto, e não teria sofrido a quebra de sua casa. 40 Preparai-vos, pois, também, porque o Filho do homem vem a uma hora em que não pensais.

 

Nosso Senhor Jesus está aqui inculcando algumas lições úteis necessárias sobre seus discípulos, as quais ele havia ensinado antes, e teve ocasião de pressioná-las, pois elas precisam ter preceito sobre preceito e linha sobre linha: "Portanto, porque há muitos que são arruinados pela cobiça, e uma afeição desordenada pelas riquezas deste mundo, eu digo a vocês, meus discípulos, prestem atenção a isto ”. Tu, ó homem de Deus, foge destas coisas, assim como tu, ó homem do mundo, 1 Timóteo 6:111 Timóteo 6:11 .

 

  1. Ele os encarrega de não se afligirem com inquietantes preocupações desconcertantes sobre os necessários apoios da vida: Não se preocupem com a sua vida, Lucas 12:22 Lucas 12:22 . Na parábola precedente, ele nos advertiu contra o ramo da cobiça, do qual os ricos estão mais em perigo e isto é, uma complacência sensual na abundância dos bens deste mundo. Agora seus discípulos poderiam pensar que eles não estavam em perigo, pois eles não tinham abundância ou variedade para se gloriarem e, portanto, ele os adverte contra outro ramo da cobiça, que eles estão mais na tentação de ter apenas um pouco deste mundo. , que foi o caso dos discípulos na melhor das hipóteses e muito mais agora que eles tinham deixado tudo para seguir a Cristo, e isso foi, uma solicitude ansiosaMateus 6:25sobre os apoios necessários da vida: " Não se preocupem com a sua vida, seja pela preservação dela, se estiver em perigo, ou pela provisão que deve ser feita para ela, seja de alimento ou de roupa, o que comereis ou o que você deve vestir. "Esta é a advertência em que ele tinha insistido amplamente, Mateus 6:25 , & c. e os argumentos aqui usados ​​são basicamente os mesmos, projetados para o nosso encorajamento para lançar todo o nosso cuidado em Deus, que é o caminho certo para nos facilitarmos . Considere então

 

  1. Deus, que fez o maior por nós, pode depender de fazer o menor. Ele, sem qualquer cuidado ou previsão própria, nos deu vida e um corpo, e portanto podemos alegremente deixar que ele forneça carne para o sustento dessa vida, e trajar a defesa desse corpo.

 

  1. Deus, que provê as criaturas inferiores, pode depender de prover bons cristãos. "Confie em Deus para carne, pois ele alimenta os corvos ( Lucas 12:24 Lucas 12:24 ) eles não semeiam nem colhem, eles não tomam cuidado nem dores de antemão para proverem a si mesmos, e ainda assim eles são alimentados, e nunca perecem por carência. Agora considere como tu és muito melhor do que as aves do que os corvos, confia em Deus para as roupas, porque ele veste os lírios ( Lucas 12: 27,28 ) eles não fazem preparação para suas próprias roupas, não trabalham, não giram,Lucas 12:27 , 28 Deuteronômio 8: 4a raiz no chão é uma coisa nua e sem ornamentos e, no entanto, à medida que a flor cresce, ela aparece maravilhosamente embelezada. Agora, se Deus assim revestiu as flores, que estão sumindo as coisas que perecem, ele não o vestirá muito mais com roupas que sejam adequadas para você, e com roupas adequadas à sua natureza, como a deles é? ”Quando Deus alimentou Israel com maná no deserto, ele também cuidou de suas vestes, embora não lhes fornecesse roupas novas; todavia (o que correspondia a um só), ele providenciou que aqueles que eles tinham não devessem envelhecer nelas, Deuteronômio 8: 4 . Ele vestirá o seu Israel espiritual, mas então não os deixe de pouca fé?Note, nossos cuidados desordenados são devido à fraqueza de nossa fé para uma crença prática poderosa da todo-suficiência de Deus, sua relação de aliança conosco como Pai, e especialmente suas preciosas promessas, relacionando tanto a esta vida como a vir, seria poderoso, através de Deus, para derrubar as forças fortes dessas intrigantes e desconcertantes imaginações.

 

  1. Nossos cuidados são infrutíferos, vãos e insignificantes e, portanto, é loucura satisfazê-los. Eles não nos receberão nossos desejos e, portanto, não devem impedir nosso repouso ( Lucas 12:25Lucas 12:25 ): " Qual de vós, tomando pensamento, pode acrescentar à sua estatura um côvado, ou uma polegada, pode acrescentar à sua idade um ano ou Agora, se não puderdes fazer o que é mínimo, se não estiver em seu poder alterar suas estaturas, por que vocês deveriam se intrometer em outras coisas, que estão tanto fora de seu poder, e sobre as quais é necessário que nos referimos à providência de Deus? " Note, como em nossa estatura, assim em nosso estado, é nossa sabedoria levar isto como é,e aproveitá-lo para irritar e irritar, cuidar e cuidar, não vai consertá-lo.

 

  1. Uma perseguição ansiosa desordenada das coisas deste mundo, mesmo as coisas necessárias, torna-se muito doente os discípulos de Cristo ( Lucas 12: 29,30 ): "O que os outros fazem, não busqueis o que comereis, ou o que haveis de bebida que você não afligir-se com cuidados desconcertantes, nem vos cansados com labuta constante não se apressar lá e para cá com as investigações que haveis de comer ou beber, como inimigos de Davi, que vagavam cima e para baixo para a carne ( Salmo 59:15 ), ou como a águia que busca a presa de longe, Jó 39:29 Que os discípulos de Cristo não procurem assim a sua comida, mas peça a Deus dia após dia que não sejamLucas 12:29 , 30 Salmo 59:15 Jó 39:29 de duvidosa mente me meteorizesthe - Não seja como meteoros no ar, que são soprados para cá e para lá com cada vento não, como eles, subir e descer, mas manter a coerência com vocês mesmos seja firme e estável, e ter seus corações fixos não viva em suspense cuidadoso, não deixe sua mente continuamente perplexa entre a esperança e o medo, sempre sobre a estante. "Não se preocupem os filhos de Deus,

 

(1.) Isto é para se tornarem como os filhos deste mundo: " Todas estas coisas as nações do mundo procuram, Lucas 12:30 Lucas 12:30 . Aqueles que cuidam apenas do corpo, e não para a alma, para Somente este mundo, e não pelo outro, não precisa ir além do que comerá e beberá e, não tendo Deus todo-suficiente para procurar e confiar, eles se sobrecarregam com preocupações ansiosas sobre essas coisas. Você, que é chamado para fora do mundo, não deve ser assim conformado ao mundo, e andar no caminho deste povo, " Isaías 8: 11,12Isaías 8:11 , 12. Quando cuidados excessivos prevalecem sobre nós, devemos pensar: "O que eu sou, um cristão ou um pagão? Batizado ou não batizado? Se um cristão, se batizado, eu me classifico com gentios, e me uno a eles em suas buscas?"

 

(2) É desnecessário para eles se inquietarem com o cuidado sobre os apoios necessários da vida, pois eles têm um Pai no céu que cuida e cuidará deles: " Seu Pai sabe que você precisa dessas coisas, e considera -lo, e vai suprir suas necessidades de acordo com suas riquezas na glória porque ele é o vosso Pai, que fez você de acordo com essas necessidades e, portanto, irá atender as suas misericórdias a eles: o vosso Pai, que mantém você, educa-lo, e projeta uma herança para você e, portanto, cuidará de que você não deseja nada de bom. "

 

(3.) Eles têm coisas melhores para pensar e perseguir ( Lucas 12:31Lucas 12:31 ): " Antes, porém, buscai o reino de Deus, e pensai nisto, vós, meus discípulos, que estão para pregar o reino de Deus, que vossos corações sejam sobre o seu trabalho e seu grande cuidado de como fazer isso bem, e isso efetivamente desviará seus pensamentos do desordenado cuidado com as coisas do mundo, e que todos os que têm almas para salvar busquem o reino de Deus, no qual somente eles podem ser seguro. solicitar a admissão para ele, buscar avanço nele buscar o reino da graça, para ser assuntos em que o reino de glória, para ser príncipes em que e, em seguida, todas estas coisas vos serão acrescentadas. Cuide dos assuntos de suas almas com diligência e cuidado e então confie em Deus com todos os seus outros assuntos. "

 

(4.) Eles têm coisas melhores para esperar e esperar: Não temam, pequeno rebanho, Lucas 12:32 Lucas 12:32 . Para o banimento de cuidados desordenados, é necessário que os medos sejam suprimidos. Quando nos assustamos com a apreensão do mal que está por vir, nos colocamos no cuidado de como evitá-lo, quando afinal talvez seja apenas a criatura de nossa própria imaginação. Portanto não temais, pequeno rebanho, mas espero até o fim para que é do agrado do vosso Pai dar-vos o reino. Esta palavra confortável que não tínhamos em Mateus. Note, [1.] rebanho de Cristo neste mundo é um pequeno rebanho1 Reis 20:27 1 Pedro 5: 4 Apocalipse 3:21suas ovelhas são poucas e fracas. A igreja é uma vinha, um jardim, uma pequena mancha, comparada com o deserto deste mundo como Israel ( 1 Reis 20:27 ), que eram como dois pequenos rebanhos de crianças, quando os sírios enchiam o país. [2] Apesar de ser um pequeno rebanho, bastante numerado e , portanto, em perigo de ser dominado pelos seus inimigos, é a vontade de Cristo que eles não tenham medo: "Não temais, pequeno rebanho, mas veja-se a salvo sob a proteção e a conduta do grande e bom Pastor, e fique à vontade. " [3] Deus tem um reino reservado para todos que pertencem ao pequeno rebanho de Cristo , uma coroa de glória (1 Pedro 5: 4 ), um trono de poder ( Apocalipse 3:21 ), riquezas insondáveis, excedendo em muito os tesouros peculiares de reis e províncias. As ovelhas da mão direita são chamadas para vir e herdar o reino que é deles para sempre um reino para cada um. [4] O reino é dado de acordo com o bom prazer do Pai. É bom prazer de seu Pai não ser dado de débito, mas de graça, graça livre, graça soberana mesmo assim, Pai, porque pareceu bem a ti. O reino é dele e pode ele não fazer o que quiser com o seu próprio? [5.] As esperanças e perspectivas do reinodeve silenciar e reprimir os medos do pequeno rebanho de Cristo neste mundo. "Não tema nenhum problema, embora deva acontecer, não deve acontecer entre você e o reino, isso é certo, está próximo." (Isso não é um mal que vale a pena tremer com o pensamento de que não pode nos separar do amor de Deus). " Não tema a falta de qualquer coisa que seja boa para você, se for o prazer de seu pai lhe dar o reino, você não precisa questionar, mas ele arcará com seus encargos para lá."

 

  1. Ele os encarregou de assegurar que trabalhassem por suas almas, depositando seu tesouro no céu, Lucas 12: 33,34 . Aqueles que fizeram isso podem ser muito fáceis quanto a todos os eventos do tempo.Lucas 12:33 , 34

 

  1. " Sente-se solto para este mundo, e para todas as suas posses nele: Venda o que tiver e dê esmolas " , isto é, "ao invés de querer com o que aliviar aqueles que são realmente necessários, vender o que você tem que é supérfluo , tudo o que você pode poupar do apoio de si mesmo e das famílias, e dar aos pobres, vender o que você tem, se você achar que é um obstáculo ou incumbência no serviço de Cristo. sendo multado, aprisionado ou banido, pelo testemunho de Jesus, você é forçado a vender suas propriedades, achando que elas são a herança de seus pais. Não venda para acumularo dinheiro, ou porque você pode fazer mais por usura, mas vender e dar esmolas o que é dado em esmolas, de forma correta, é colocado para o melhor interesse, com a melhor segurança ".

 

  1. " Põei os vossos corações sobre o outro mundo e as vossas expectativas desse mundo. Providenciai sacos que não envelhecem, que não sejam vazios, não de ouro, mas de graça no coração e boas obras na vida, estas são as sacos que durarão ". A graça irá conosco para outro mundo, pois está entrelaçada na alma e nossas boas obras nos seguirão, pois Deus não é injusto para esquecê- las. Estes serão tesouros no céu, que nos enriquecerão até a eternidade. (1) é um tesouro que não será exaustopodemos gastar com ela para a eternidade, e não será de todo, menos, não há perigo de ver o fundo dela. (2) É um tesouro que não estamos em perigo de ser roubado, pois nenhum ladrão se aproxima do que está guardado no céu está fora do alcance dos inimigos. (3) É um tesouro que não estraga com a guarda, não mais do que desperdiçará ao gastar a traça que não a corrompe , como faz com nossas vestes que agora usamos. Agora por isso parece que lançámos o nosso tesouro no céu, se os nossos corações ser lá enquanto estamos aqui (Lucas 12:34Lucas 12:34 ), se pensarmos muito no céu e ficarmos de olho nele, se nos acalmarmos com as esperanças dele e nos mantivermos admirados com o medo de não alcançá-lo. Mas, se o seu coração estiver sobre a terra e as coisas dela, é de temer que você tenha o seu tesouro e parte dele, e seja desfeito quando você o deixar.

 

III Ele os encarregou de preparar-se e manter-se pronto para a vinda de Cristo, quando todos aqueles que depositaram seu tesouro no céu entrarão no desfrute dele, Lucas 12:35Lucas 12:35 , & c.

 

  1. Cristo é o nosso Mestre, e nós somos seus servos, não apenas servos trabalhadores , mas servos que esperam , servos que devem honrá-lo, esperando por ele, e comparecendo aos seus movimentos: Se alguém me servir, que ele me siga . Siga o Cordeiro para onde quer que ele vá. Mas isso não é tudo: eles devem honrá-lo esperando por ele e esperando seu retorno. Devemos ser como homens que esperam pelo seu Senhor, que se sentam até tarde, enquanto ele fica fora até tarde, para estar pronto para recebê-lo.

 

  1. Cristo, nosso Mestre, ainda que agora passou de nós, vai voltar novamente, voltar do casamento, de solemnizing as núpcias no exterior, para concluir -los em casa. Os servos de Cristo estão agora em um estado de expectativa, procurando a aparição gloriosa de seu Mestre, e fazendo tudo com um olho para isso, e para isso. Ele virá para tomar conhecimento de seus servos, e, sendo um dia crítico, eles ficarão com ele ou serão expulsos, de acordo com o que forem encontrados naquele dia.

 

  1. O tempo do retorno de nosso Mestre é incerto, será de noite, será de longe à noite, quando ele adiar sua vinda por muito tempo , e quando muitos o procurarem na segunda vigília, pouco antes da meia-noite, ou na terceira vigília, depois da meia-noite, Lucas 12:38 Lucas 12:38 . Sua vinda a nós, em nossa morte, é incerta, e para muitos será uma grande surpresa para o Filho do Homem chegar a uma hora que você não pensa ( Lucas 12:40 ), sem dar aviso prévio. Isso indica não apenas a incerteza do tempo de sua vinda, mas a segurança predominante da maior parte dos homens, que sãoLucas 12:40irrefletido, e totalmente independente dos avisos que lhes são dados, de modo que, sempre que ele chega, é em uma hora que eles pensam que não.

 

  1. O que ele espera e requer de seus servos é que eles estejam prontos para abrir-se a ele imediatamente, sempre que ele vier ( Lucas 12:36Lucas 12:36 ), isto é, que eles estejam em uma estrutura adequada para recebê-lo, ou melhor, para serem recebeu por ele que eles são encontrados como seus servos, na postura que os torna, com seus lombos cingidos, aludindo aos servos que estão prontos para ir para onde seu mestre os envia, e fazer o que seu mestre lhes ordena, tendo seu longo vestimentas enfiadas (que de outra maneira pendurariam sobre elas, e as atrapalhariam), e suas luzes acesas, com as quais iluminar seu mestre na casa, e subir para seu quarto.

 

  1. Aqueles servos serão felizes, os quais serão encontrados prontos, e em um bom quadro, quando o seu Senhor vier ( Lucas 12:37 Lucas 12:37 ): Bem - aventurados aqueles servos que, depois de terem esperado por muito tempo, continuam em um quadro de espera, até hora em que o seu Senhor vem, e então são encontrados despertos e conscientes de sua primeira aproximação, de suas primeiras batidas e de novo ( Lucas 12:38 ): Bem - aventurados aqueles servos, pois então será o tempo de sua preferência. Aqui está um exemplo de honra feito como dificilmente se encontra entre os homens: Ele os fará sentar-se à carne e os servirá. Pois o esposo que espera a sua noiva à mesa não é incomum, mas esperar sobre os seus servos não é a maneira dos homensLucas 12:38 João 13: 4 , 5 João 12:26ainda Jesus Cristo estava entre seus discípulos como alguém que serviu, e fez uma vez, para mostrar sua condescendência, cingir-se e servi-los, quando lavou seus pés ( João 13: 4,5 ) significou a alegria com a qual eles serão recebido no outro mundo pelo Senhor Jesus, que se foi antes, para preparar-se para eles, e lhes disse que seu Pai os honrará , João 12:26 .

 

  1. Estamos , portanto, mantida a incerteza quanto ao momento exato da sua vinda para que possamos estar sempre pronto para isso é não graças a um homem para estar pronto para um ataque, se ele sabe de antemão exatamente o momento em que será feita: O bom homem da casa, se ele soubesse a que hora o ladrão viria, embora ele nunca foram tão descuidado um homem, que ainda foram assistidos, e ter afugentado os ladrões, Lucas 12:39Lucas 0:39 . Mas não sabemos a que horas o alarme nos será dado e, portanto, estamos preocupados em vigiar todos os dentes e nunca ficarmos de guarda. Ou isso pode intimar o caso miserável daqueles que são descuidados e incrédulos neste grande assunto. Se oO bom homem da casa tinha notado seu perigo de ser roubado em tal noite, ele teria se sentado e salvado sua casa, mas nós temos conhecimento do dia da vinda do Senhor, como um ladrão na noite, para a confusão e a ruína de todos os pecadores seguros e, no entanto, não vigiamos. Se os homens cuidarem de suas casas, então, sejamos sábios para nossas almas: Portanto, estejam prontos também, prontos para o bem da casa, se ele soubesse a que hora o ladrão viria.

 

Versos 41-53

Vigilância e Esforço Inculcados.

41 Então Pedro lhe disse: Senhor, fazes essa parábola a nós ou a todos? 42 E disse o Senhor: Quem é então aquele mordomo fiel e sábio a quem seu senhor governará sobre a sua casa, para dar- lhes a sua porção de carne no devido tempo? 43 Bendito é aquele servo a quem o seu senhor, quando vier, achar assim fazendo. 44 Em verdade, em verdade vos digo que ele o dominará sobre tudo o que tem. 45 Mas, se aquele servo disser no seu coração: Meu senhor adia a sua vinda e começará a espancar os servos e as donzelas, e a comer, a beber e a se embebedar 46 O senhor daquele servo entrará no dia em que olhar não para elee em uma hora quando ele não estiver ciente, e o cortará em pedaços, e o indicará sua porção com os incrédulos. 47 E aquele servo que soube a vontade do seu senhor, e não se aprontou , nem fez conforme a sua vontade, será castigado com muitos açoites. 48 Mas o que não conheceu e cometeu coisas dignas de açoite será açoitado com poucas letras.Pois a quem muito for dado, muito mais será exigido dele; e a quem muitos cometeram, muito mais lhe pedirão. 49 Eu vim enviar fogo sobre a terra e o que eu vou, se já estiver aceso? 50 Mas eu tenho um batismo para ser batizado com e como estou angustiado até que seja cumprido! 51 Dizeis que vim para dar a paz à terra? Eu vos digo: Não, antes é divisão: 52 Pois daqui em diante haverá cinco em uma casa divididos, três contra dois e dois contra três. 53O pai será dividido contra o filho, e o filho contra o pai a mãe contra a filha, e a filha contra a mãe a sogra contra a sua nora, e a nora contra a sogra dela.

 

Aqui está, a pergunta de Pedro, que ele colocou a Cristo por ocasião da parábola precedente ( Lucas 12:41 Lucas 12:41 ): " Senhor, falas esta parábola para nós que são teus seguidores constantes, para nós que somos ministros, ou também para tudo o que vem a ser ensinado por ti, a todos os ouvintes e neles a todos os cristãos? Pedro era agora, como frequentemente, porta-voz dos discípulos. Temos razão para abençoar a Deus que existem alguns homens avançados, que têm um dom de expressão, que aqueles que são assim, tomem cuidado de serem orgulhosos. Agora Pedro deseja que Cristo se explique e direcione a seta da parábola precedente para a marca que ele pretendia. Ele chama isso de parábolaMarcos 13:37porque não era apenas figurativo, mas pesado, sólido e instrutivo. Senhor, disse Pedro, isso era para nós ou para todos? Para isso, Cristo dá uma resposta direta ( Marcos 13:37 ): O que eu digo para você, eu digo para todos. No entanto, aqui ele parece mostrar que os apóstolos estavam principalmente preocupados com isso. Note, Todos nós estamos preocupados em levar a nós mesmos o que Cristo em sua palavra projeta para nós, e perguntar apropriadamente a respeito: Fale-nos isto para nós? Para mim? Fala, Senhor, porque o teu servo ouve. Esta palavra pertence a mim? Fale isso ao meu coração.

 

  1. Resposta de Cristo a esta pergunta, dirigida a Pedro e ao resto dos discípulos. Se o que Cristo dissera antes, não os preocupava de maneira tão peculiar, mas em comum com outros cristãos, que todos devem vigiar e orar pela vinda de Cristo, como seus servos, mas o que segue é peculiarmente adaptado aos ministros, que são os mordomos de Cristo. casa. Agora nosso Senhor Jesus diz a eles,

 

  1. Qual era o seu dever como mordomos e qual a confiança que lhes foi confiada? (1) Eles são feitos governantes da casa de Deus, sob a direção de Cristo, cuja casa própria são os ministros que recebem autoridade de Cristo para pregar o evangelho, e administrar as ordenanças de Cristo, e aplicar os selos da aliança da graça. (2) Seu negócio é dar aos filhos e servos de Deus sua porção de carne, aquilo que é apropriado para eles e lhes atribuir convicções e conforto àqueles a quem eles pertencem respectivamente. Suum cuique - para todos os seus. Isto é justamente para dividir a palavra da verdade, 2 Timóteo 2:152 Timóteo 2:15 . (3.) Dar a elesna devida estação, naquele tempo e daquele modo que são mais adequados ao temperamento e condição daqueles que devem ser alimentados com uma palavra na estação àquele que está cansado. (4) Nisto eles devem se aprovar fiéis e sábios fiéis ao seu Mestre, por quem esta grande confiança é depositada neles, e fiel a seus companheiros de serviço, para cujo benefício eles são colocados em confiança e sabedoria para melhorar uma oportunidade de fazendo honra ao seu Mestre e serviço na família. Os ministros devem ser hábeis e fiéis.

 

  1. Qual seria a felicidade deles se eles se aprovassem fiéis e sábios ( Lucas 12:43 Lucas 12:43 ): Bem - aventurado aquele servo, (1.) Isso é fazer, e não é ocioso, nem indulgente de sua facilidade até os governantes da casa deve estar fazendo, e se fazem servos de todos. (2) Isso é fazer assim , fazendo o que ele deveria ser, dando-lhes sua porção de carne, pela pregação pública e aplicação pessoal. (3.) Isso é encontradoLucas 12:44assim fazendo quando o seu Senhor vem, persevera até o fim, apesar das dificuldades que ele pode encontrar no caminho. Agora sua felicidade é ilustrada pela preferência de um mordomo que se aprovou dentro de um nível mais baixo e mais estreito de serviço, ele será preferido a um maior e maior ( Lucas 12:44 ): Ele o fará governante sobre tudo o que ele tem, que era a preferência de José na corte do Faraó. Note que os ministros que obtêm a misericórdia do Senhor para serem fiéis obterão mais misericórdia para serem abundantemente recompensados ​​por sua fidelidade no dia do Senhor.

 

  1. Que péssimo acerto haveria se fossem traiçoeiros e infiéis, Lucas 12: 45,46 . Se aquele servo começar a ser briguento e profano, ele será chamado para uma conta e severamente punido. Tivemos tudo isso antes em Mateus, e, portanto, deve aqui apenas observar, (1.) Nossa olhando para segunda vinda de Cristo como uma coisa à distância é a causa de todas essas irregularidades que tornam o pensamento dele terrível para nós: Ele diz em seu coração, Meu Senhor atrasa sua vinda. A paciência de Cristo é muitas vezes mal interpretada a sua demora, à dis couragement de seu povo, e o enLucas 12:45 , 46o encorajamento de seus inimigos. (2) Os perseguidores do povo de Deus são comumente abandonados à segurança e sensualidade que espancam seus companheiros de servidão, e então comem e bebem com os bêbados, completamente despreocupados ou com seus próprios pecados ou com os sofrimentos de seus irmãos, como o rei e Hamã, que se sentou para beber quando a cidade de Shushan estava perplexa. Assim eles bebem, para afogar os clamores de suas próprias consciências, e os frustram, que de outra forma voariam em seus rostos. (3) A morte e o julgamento serão muito terríveis para todos os ímpios, mas especialmente para os ímpios ministros. Será uma surpresa para eles: a uma hora quando eles não estão cientes.Será a determinação deles para infindáveis ​​infortúnios, eles serão cortados em pedaços, e terão sua porção designada a eles com os incrédulos.

 

  1. Que agravante seria do seu pecado e castigo que eles conhecessem o seu dever, e não o fizessem ( Lucas 12: 47,48 ): Aquele servo que conhecesse a vontade do seu senhor, e não o fizesse, seria castigado com muitas listras, cairão sob pena de castigo e aquele que não conheceu será castigado com poucas penas ; sua punição, em consideração a isto, será mitigada. Aqui parece ser uma alusão à lei, que fez uma distinção entre os pecados cometidos através da ignorância, e os pecados presunçosos. xv. 29,30), como também a outra lei sobre o número de riscas dado a um malfeitor, para ser de acordo com a natureza do crime, Deuteronômio 25: 2,3 . Agora, (1) A ignorância do nosso dever é uma extenuação do pecado. EleLucas 12:47 , 48 Deuteronômio 25: 2 , 3 os judeus matam a Cristo ( Atos 3:17 1 Coríntios 2: 8que não conheceu a vontade de seu senhor, por descuido e negligência, e por não ter tido as oportunidades que alguns outros tiveram de conhecê-lo, e fez coisas dignas de açoites, ele será espancado, porque ele poderia ter conhecido melhor seu dever , mas com poucas listras sua ignorância desculpa em parte, mas não totalmente. Assim, por ignorância, os judeus sacrificaram Cristo à morte (Atos 3:17, 1 Coríntios 2: 8 ), e Cristo alegou essa ignorância em sua desculpa: eles não sabem o que fazem. (2) O conhecimento de nosso dever é um agravamento de nosso pecado: aquele servo que conheceu a vontade de seu senhor, e ainda fez sua própria vontade, seráespancado com muitas listras. Deus justamente infligirá mais a ele por abusar dos meios de conhecimento que ele concedeu a ele, os quais outros teriam feito melhor uso, porque argumenta um grande grau de perseverança e desprezo ao pecado contra o conhecimento de quanto mais severa punição então eles serão pensado digno, além das muitas listras que suas próprias consciências lhes darão! Filho, lembra-te. Aqui está uma boa razão para isto: Para quem quer que seja dado, dele será muito necessário, especialmente quando for cometido como uma confiança que ele deve dar conta. Aqueles que têm maior capacidade mental do que outros, mais conhecimento e aprendizado, mais conhecimento e conversa com as escrituras, a eles muito é dado, e sua conta será em conformidade.

 

III Um discurso adicional sobre seus próprios sofrimentos, o que ele esperava, e sobre os sofrimentos de seus seguidores, que ele gostaria que eles também vivessem na expectativa de. Em geral ( Lucas 12:49Lucas 12:49 ): Eu vim para enviar fogo na terra. Com isso, alguns entendem a pregação do evangelho e o derramamento do Espírito, fogo santo que este Cristo veio enviar com uma comissão para refinar o mundo, para remover suas impurezas, queimar seu joio e já estava aceso . O evangelho começou a ser pregado alguns prefácios para o derramamento do Espírito. Cristo batizou com o Espírito Santo e com fogo este Espírito desceu em línguas de fogo. Mas, pelo que se segue, parece ser entendido do fogo de perseguição. Cristo não é o autor disso, pois é o pecado dos incendiários, os perseguidores, mas ele permite , ou melhor, ele o encomenda , como um fogo refinado para o julgamento dos perseguidos. Este fogo já estava aceso na inimizade dos judeus carnais para com Cristo e seus seguidores. " O que eu que isso pode ser presentemente inflamado? O que tu fazes, faz rapidamente. Se já está aceso, o que eu vou? Devo aguardar a sua extinção ? Não, pois deve fixar-se sobre mim e sobre todos, e a glória se desviará de Deus para ele ".

 

  1. Ele deve sofrer muitas coisas através deste fogo que já estava aceso ( Lucas 12:50 Lc 12:50 ): Eu tenho um batismo para ser batizado. As aflições são comparadas tanto ao fogo como à água, Salmos 66: 12,69: 1,2 . Os sofrimentos de Cristo eram ambos. Ele os chama de batismo ( Mateus 20:22 ) porque ele foi regado ou aspergido com eles, como Israel foi batizado na nuvem, e mergulhou neles, como Israel foi batizado no mar, 1 Coríntios 10: 2 . Ele deve ser aspergido com seu próprio sangue e com o sangue de seus inimigos, Isaías 63: 3 . Veja aqui, (1).Salmo 66:12 , 69 : Mateus 20:22 1 Coríntios 10: 2 Isaías 63: 3 Hebreus 7:27 , 28 Isaías 53:10 , 11 previsão de seus sofrimentos ele sabia o que ele iria sofrer, e a necessidade de sofrer: Eu devo ser batizado com um batismo. Ele chama seus sofrimentos por um nome que os mitiga , é um batismo, não um dilúvio Eu devo ser mergulhado neles, não afogado neles e por um nome que os santifique , pois o batismo é um nome que os santifica , pois o batismo é um rito sagrado. Cristo em seus sofrimentos se dedicou à honra de seu Pai e se consagrou sacerdote para sempre, Hebreus 7: 27,28 . (2) o adiantamento de Cristo aos seus sofrimentos:Como estou estreitado até que seja realizado! Ansiava pelo tempo em que deveria sofrer e morrer, tendo um olho na gloriosa questão de seus sofrimentos. É uma alusão a uma mulher em dores de parto, que sofre para ser liberta, e acolhe suas dores, porque elas aceleram o nascimento da criança e as desejam afiadas e fortes, para que a obra seja abreviada. Os sofrimentos de Cristo eram o trabalho de sua alma, o qual ele alegremente experimentou, na esperança de que ele pudesse ver a sua semente, Isaías 53: 10,11 . Tanto foi seu coração posto sobre a redenção e salvação do homem.

 

  1. Ele conta àqueles sobre ele que eles também devem suportar com dificuldades e dificuldades ( Lucas 12:51Lucas 12:51 ): " Suponhamos que vim para dar a paz à terra, para dar-lhe uma possessão pacífica da terra, e prosperidade externa sobre a terra". terra?" É insinuado que eles estavam prontos para entreter um pensamento como este, não, que eles partissem dessa suposição, que o evangelho se reuniria com um bem-vindo universal , que as pessoas unanimemente o abraçariam e, portanto, estudariam para tornar os pregadores dele fácil e grande, que Cristo, se não lhes desse pompa e poder, pelo menos lhes daria paze aqui eles foram encorajados por diversas passagens do Antigo Testamento, que falam da paz do reino do Messias, que eles estavam dispostos a entender da paz externa. "Mas", disse Cristo, "você estará enganado, o evento declarará o contrário e, portanto, não se lisonjeará no paraíso dos insensatos. Você encontrará"

 

(1.) "Que o efeito da pregação do evangelho será a divisão. " Não é que o desígnio do evangelho e sua própria tendência sejam unir os filhos dos homens uns aos outros, unir-se em amor santo, e, se todos a receberem, isso seria o efeito disso, mas haver multidões que não apenas não a receberão, mas se oporão a ela, e terão suas corrupções exasperadas por ela, e ficarão enfurecidas com aqueles que a recebem. prova, embora não a causa ainda a ocasião da divisão. Enquanto o homem forte armado manteve seu palácio, no mundo gentio, seus bens estavam em paztudo estava calmo, pois tudo ia por um lado, as seitas dos filósofos concordavam bastante bem, assim como os adoradores de divindades diferentes, mas quando o evangelho era pregado, e muitos eram iluminados por ele, e passavam do poder de Satanás para Deus, então houve uma perturbação, um ruído e um tremor, Ezequiel 37: 7 Ezequiel 37: 7 . Alguns se distinguiam abraçando o evangelho e outros se zangavam por isso. Sim, e entre aqueles que receberam o evangelho haveria diferentes sentimentos em coisas menores, o que ocasionaria divisão e Cristo o permitiria para fins santos ( 1 Coríntios 11:18 ), para que os cristãos aprendam e pratiquem tolerância mútua, Romanos 14: 1 , 2 .1 Coríntios 11:18 Romanos 14: 1 , 2

 

(2) "Que esta divisão alcançará as famílias particulares, e a pregação do evangelho dará ocasião para discórdia entre as relações mais próximas" ( Lucas 12:53 Lucas 12:53 ): O pai será dividido contra o filho, e o filho contra o pai, quando aquele se torna cristão e o outro não, aquele que se torna cristão será zeloso por argumentos e carinhos para também fazer o outro, 1 Coríntios 7:16 . Tão logo Paulo foi convertido, ele contestou, Atos 9:291 Coríntios 7:16 Atos 9:29 Mateus 10:35 , 24 : . Aquele que continua em incredulidade será provocado, e odiará e perseguirá aquele que por sua fé e obediência testemunha e condena sua incredulidade e desobediência. Um espírito de intolerância e perseguição romperá os laços mais fortes de relação e afeição natural, veja Mateus 10: 35,24: 7 . Até mesmo mães e filhas caem sobre religião e aquelas que não acreditam são tão violentas e escandalosas que estão prontas para entregar nas mãos dos perseguidores sanguinários aqueles que acreditam, embora de outra forma muito próximos e caros a eles. Nós encontramos nos Atos que, onde quer que o evangelho viesse, a perseguição foi agitada ,todos os lugares contra os quais se falou, e não houve pequena agitação por esse caminho. Portanto, os discípulos de Cristo não se prometam paz sobre a terra, pois são enviados como ovelhas no meio de lobos.

 

Versículos 54-59

Reconciliação com Deus.

54 E disse ainda ao povo: Quando vedes subir uma nuvem do ocidente, logo dizeis: Lá vem chuva, e assim é. 55 E quando vedes soprar o vento sul dizeis: Haverá calor e acontecerá. 56 Vós, hipócritas, podeis discernir a face do céu e da terra, mas como é que vós não discernir este tempo? 57 Sim, e por que até mesmo de vós mesmos não julgais o que é certo? 58 Quando tu fores com o teu adversário ao magistrado, como tu ésno meio do caminho, dedica-te à diligência para que te seja entregue, para que não te vá ao juiz, e o juiz te entregue ao oficial, e o oficial te lançará na prisão. 59 Digo-te que não deixarás dali até que tenhas pago a última gota.

 

Tendo dado a seus discípulos a lição nos versículos precedentes, aqui Cristo se dirige ao povo e lhes dá o deles, Lucas 12:54Lucas 12:54 . Ele disse também ao povo: ele pregou ad populum - ao povo, assim como ad clerum - ao clero. Em geral, ele gostaria que eles fossem tão sábios nos assuntos de suas almas quanto em seus assuntos externos. Duas coisas ele especifica:

 

  1. Deixe-os aprender a discernir o caminho de Deus em relação a eles, para que possam se preparar adequadamente. Eles estavam em condições meteorológicas e, observando os ventos e as nuvens, podiam prever quando haveria chuva e quando haveria tempo quente ( Lucas 12: 54,55 ) e, de acordo com a previsão do tempo, eles abrigavam suas terras. feno e milho, ou jogou no exterior, e se equiparam para uma jornada? Mesmo no que diz respeito às mudanças do tempo, Deus nos adverte sobre o que está por vir, e a arte melhorou os avisos da natureza em óculos de meteorologia. Os prognósticos aqui referidos tiveram origem em repetidas observações sobre a cadeia de causas: do que tem sidoLucas 12:54 , 55nós conjeturamos o que será. Veja o benefício da experiência tomando nota de que podemos vir para dar aviso prévio. De quem é sábio observará e aprenderá. Veja Agora.

 

  1. Os detalhes dos presságios: " Quando você vê uma nuvem surgindo do oeste " (o hebraico diria, fora do mar ), "talvez a princípio não seja maior que a mão de um homem ( 1 Reis 18:441 Reis 18:44 mas tu dizes: Há uma chuva no ventre dela, e isso prova isso. Quando observas o sopro do vento sul, dizes: Haverá calor "(porque os países quentes da África não estão muito ao sul da Judéia) ), "e geralmente acontece ", mas a natureza não se liga a tal trilha, mas às vezes nos enganamos em nossos prognósticos.

 

  1. As inferências deles ( Lucas 12:56 Lucas 12:56 ): " Vocês hipócritas, que fingem ser sábios, mas na verdade não são assim, que fingem esperar o Messias e seu reino" (pois assim a generalidade dos judeus fez) " e, todavia, não há maneira alguma de recebê-lo e entretê-lo, como é que você não percebe esse tempo, que você não percebe que agora é o tempo, de acordo com as indicações dadas nas profecias do Antigo Testamento, para o Messias aparecer, e que, de acordo com as marcas dadas a ele, eu sou ele? Por que você não está ciente de que você tem agora uma oportunidade que você não terá por muito tempo, e que você pode nunca ter novamente,Eclesiastes 9:12 Lucas 19:44 1 Crônicas 12:32 Lucas 12:57de assegurar-se um interesse no reino de Deus e os privilégios desse reino? " Agora é o tempo aceito, agora ou nunca. É a tolice e miséria do homem que ele não conhece o seu tempo, Eclesiastes 9:12 . Isto foi a ruína dos homens daquela geração, que eles não conheceram no dia da sua visitação, Lucas 19:44 Mas o coração do sábio discerniu o tempo e o julgamento, tal foi a sabedoria dos homens de Issacar, que tinham entendimento dos tempos , 1 Crônicas 0:32 . Ele acrescenta: " Sim, e por isso mesmo vem de vós, que vos não tiveram estes alarmes altos dado, julgai vós não o que é certo? Lucas 12:57. Você não é apenas estúpido e indiferente em assuntos que são puramente de revelação divina, e não recebe as dicas que isso lhe dá, mas você é assim mesmo nos ditames da própria luz e lei da natureza. "O Cristianismo tem razão e consciência natural por seu lado e, se os homens se permitissem a liberdade de julgar o que é certo, logo descobririam que todos os preceitos de Cristo concernentes a todas as coisas são corretos, e que não há nada mais justo em si mesmo, nem melhor nos tornando para eles e ser governado por eles.

 

  1. Que eles se apressem a fazer as pazes com Deus a tempo, antes que seja tarde demais, Lucas 12: 58,59 . Isto nós tivemos em outra ocasião, Mateus 5: 25,26 . 1. Achamos que nossa sabedoria em nossos assuntos temporais a compõem com aqueles com os quais não podemos lutar, para concordar com nosso adversário sobre os melhores termos que podemos, antes da equidade ser encerrado, e nós ser deixada para o rigor da lei: " Quando tu fores com o teu adversário ao magistrado,Lucas 12:58 , 59 Mateus 5:25 , 26Para quem o apelo é feito, e sabemos que ele tem uma vantagem contra ti, e tu estás em perigo de ser lançado, tu sabes que é o caminho mais prudente para resolver o assunto entre vós como tu estás no caminho, dar diligência para ser liberto dele, para obter uma descarga, para que o julgamento não seja dado, e a execução concedida de acordo com a lei. "Os homens sábios não deixarão suas disputas chegarem ao extremo, mas acomodá-los a tempo. 2. Façamos assim no Nós, pelo pecado, fizemos de Deus nosso adversário, provocamos seu descontentamento contra nós, e ele tem tanto direito quanto poder a seu favor, de modo que é inútil pensar em levar adiante a controvérsia com ele ou no bar.ou em batalha. Cristo, a quem todo o julgamento está comprometido, é o magistrado diante do qual estamos acelerando a aparecer: se ficarmos um julgamento diante dele, e insistir em nossa própria justificação, a causa certamente vão contra nós, o juiz vai entregar -nos ao oficial, os ministros da sua justiça, e nós será lançado a prisão do inferno, e a dívida será exigido ao máximo embora não possamos fazer uma plena satisfação para ele, ele vai ser continuamente exigiu, até o último ácaro ser pago , que não será para toda a eternidade. Os sofrimentos de Cristo foram curtos, mas o valordeles os tornou totalmente satisfatórios. Nos sofrimentos dos pecadores condenados, o que está faltando em valor deve ser feito em uma duração infinita. Agora, em consideração a isso, sejamos diligentes em sermos libertados das mãos de Deus como um adversário, em suas mãos como um Pai, e isto como nós estamos no caminho, que tem a ênfase principal aqui colocada sobre ele. Enquanto estamos vivos, estamos no caminho e agora é o nosso tempo, pelo arrependimento e fé através de Cristo (que é o Mediador, bem como o magistrado), para obter a discussão feita, enquanto isso pode ser feito, antes que seja muito tarde. Assim foi Deus em Cristo reconciliando o mundo consigo mesmo, suplicando-nos para sermos reconciliados.Vamos nos apegar ao braço do Senhor estendido nesta oferta graciosa, para que façamos a paz e façamos a paz ( Isaías 27: 4,5 ), pois não podemos andar juntos até estarmos de acordo.
  2. fonte Matthew Henrys  / www.mauricioberwald.comunidades.net